Como saber o número do PIS pelo CPF: passo a passo

Confira como saber o número do PIS usando apenas o CPF para procurar. Faça a pesquisa pela internet ou até mesmo em aplicativo de celular com download gratuito. Saiba mais sobre o assunto!

Como saber numero pis cpf

Para saber o número do PIS basta você utilizar o CPF do beneficiário no site do Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS), através da página Meu INSS ou por meio de aplicativos para celular como a Carteira de Trabalho Digital ou Caixa Trabalhador.

Esse número é imprescindível para os cidadãos brasileiros que trabalham ou trabalharam em empresas da iniciativa privada e buscam, por exemplo, receber abono salarial. Também é um dos documentos importantes para admissão em novo emprego.

Trabalhadores de órgãos e serviços públicos têm como registro o Pasep, equivalente ao PIS nessas situações. Outros nomes dados a ele são o Número de Identificação Social (NIS) e o Número de Identificação do Trabalhador (NIT).

Por mais que as nomenclaturas sejam diferentes, vale frisar que todos os números são equivalentes e podem ser utilizados para o saque do benefício. Veja quem tem direito ao benefício no tópico a seguir.

Como saber se tenho direito ao PIS?

Têm direito ao número PIS de identificação de conta e ao abono salarial, que é seu benefício:

  • pessoas inscritas para recebê-lo há 5 anos ou mais;
  • cidadãos que ganharam até 2 salários-mínimos por mês no ano considerado para o cálculo do benefício;
  • pessoas que trabalharam com carteira assinada (CLT) por no mínimo 30 dias no último ano ou nos últimos 12 meses.

Você se encaixa nesses requisitos? Ótimo! Agora vamos procurar pelo seu número.

Sua planilha foi enviada para
seu e-mail.

Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

Onde descobrir o número PIS?

O PIS/NIS/NIT pode ser localizado pelo trabalhador em uma agência física da Caixa Econômica Federal, no Cartão Cidadão, no extrato do FGTS ou na carteira de trabalho.

Quem fizer opção de busca pelo número indo fisicamente à Caixa Econômica Federal precisa ter um documento oficial com foto em mãos quando visitar a agência.

Uma alternativa mais fácil e rápida para descobrir o PIS é a internet ou aplicativos específicos para celular. Saiba mais a seguir.

Como saber o número do PIS pelo CPF na internet ou celular

Usando o seu CPF, será possível descobrir o número a partir de dois diferentes sites na internet e dois aplicativos para celular, sendo eles: CNIS - Cadastro Nacional de Informações Sociais; Meu INSS; Carteira de Trabalho Digital e Caixa Trabalhador.

Também é possível utilizar o aplicativo para FGTS da Caixa Econômica, mas essa opção não é a mais simples ou adequada.

Veja agora o passo a passo para você encontrar o dado em cada uma das plataformas para fazer isso com agilidade e de onde estiver.

CNIS - Cadastro Nacional de Informações Sociais (site)

  1. Ao acessar o site do CNIS, clique na primeira opção: “Cidadão”.
  2. No canto esquerdo da parte de cima da página, busque por “Inscrição”.
  3. Clique em “Filiado” e preencha os campos solicitados.
  4. Leia com atenção a mensagem que transmitirá o número NIT. Ele também será o número PIS. Anote-o em local seguro para não perder e usar sempre que precisar.

Meu INSS (site)

  1. Cadastre-se no portal Meu INSS ou acesse sua conta clicando em “Entrar”.
  2. Depois de feito o login, busque por “Meu Cadastro” na parte de cima da página, do lado esquerdo.
  3. Selecione a opção e verifique os dados de cadastro disponibilizados pelo governo.
  4. Busque pelo NIT/PIS e anote o número.

Carteira de Trabalho Digital (aplicativo para celular)

  1. Depois de fazer o download gratuito do app através da loja do celular, abra-o e selecione a opção “Entrar”.
  2. Crie uma nova conta ou ingresse no perfil usando o CPF, senha e verificando captcha.
  3. Já no perfil do aplicativo, busque por “Contratos” e veja todos os registros em Carteira de Trabalho até os dias de hoje.
  4. Abra o registro mais recente e clique no sinal de positivo (“+”). Entre os dados exibidos, estará o número identificado como PIS/Pasep.

Dica: empregadores também devem compreender o uso e funcionamento deste aplicativo, levando em consideração que atualmente é possível realizar admissão de colaboradores através da carteira de trabalho digital.

Caixa Trabalhador (aplicativo para celular)

  1. Faça o download gratuito do aplicativo na loja do celular.
  2. Cadastre uma nova conta ou acesse seu perfil a partir do número de CPF.
  3. Se ainda não tiver cadastro e precisar verificar a criação de nova conta usando endereço de e-mail, feche o aplicativo e abra de novo após a verificação para continuar.
  4. Abra o menu, sinalizado por três riscos de mesmo tamanho em posição horizontal e localizado no canto esquerdo superior do aplicativo.
  5. Busque por “Meu NIS” e verifique o número. NIS e PIS são o mesmo número.

O aplicativo Caixa Trabalhador permite aos cidadãos consultarem se têm direito ao recebimento do abono salarial. Por lá, também será possível verificar o calendário de pagamento do benefício relacionado a ele e parcelas liberadas ou pendentes de liberação.

Como funciona o PIS da Caixa

Todos os procedimentos relacionados ao benefício de trabalhadores CLT da iniciativa privada acontecem através da Caixa Econômica Federal, incluindo saque de valor disponibilizado e todas as consultas, conforme já mencionado.

Por mais que você não tenha conta na instituição, saiba que o depósito do valor é feito por lá mediante um calendário disponibilizado todos os anos pela Caixa.

Para os não-correntistas, a solução é transferir o valor para outro banco, procurar uma agência da CEF ou lotérica ou até mesmo encontrar um correspondente bancário autorizado.

Empresas também solicitam aos colaboradores recém-contratados o número PIS para preenchimento correto de ficha de registro de empregados.

Agora que você já encontrou seu número PIS, é possível verificar se você pode sacar o benefício.

Enfim, como sacar o PIS?

O abono salarial, benefício validado pelo PIS, pode ser recebido por correntistas da Caixa Econômica Federal automaticamente em sua conta. Para fazer o saque, basta usar o cartão bancário comum.

Quem não tiver vínculo com a Caixa, mas possuir conta corrente em outro banco, recebe o dinheiro pela conta poupança social e encontra mais informações sobre valores e datas em uma agência ou então no aplicativo “Caixa Tem” para celular.

O benefício é passado da conta poupança social para a conta corrente do cidadão e assim poderá ocorrer o saque.

Pessoas sem nenhum tipo de conta bancária podem sacar o abono salarial (PIS) usando o Cartão Cidadão. O saque pode acontecer através de Correspondentes Caixa Aqui, caixa eletrônico em agência da Caixa Econômica Federal ou por meio de uma agência lotérica.

O limite máximo de saque do abono salarial é de um salário-mínimo ou R$ 1.100 em 2021.

Sua planilha foi enviada para
seu e-mail.

Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

O que você achou do post?

4 Respostas

Deixe seu comentário

Ponto eletrônico e Banco de Horas

Pedir demonstração