Controle de ponto pelo celular é legal?

Saiba mais sobre o controle de ponto feito pelo celular e porque controlá-lo desse modo, através de um aplicativo, pode resolver os principais problemas jurídicos envolvendo horas extras.

Controle de ponto celular

Atualmente, o aparelho celular desempenha múltiplos papéis, foi-se o tempo em que o telefone móvel servia apenas para realizar e receber chamadas. Hoje, temos o mundo nas palmas de nossas mãos e a informação a um clique de distância.

O mundo se modificou e o celular é visto, também, como um meio de trabalho e, ao mesmo tempo, uma forma de controlá-lo. Aliás, já pensou em controlar a chegada e a saída dos funcionários da sua empresa, contratando um aplicativo de celular que possibilite, inclusive, o controle de ponto?

Por isso, ao invés de assinar um livro ponto ou induzir que seus colaboradores façam uso do relógio de ponto eletrônico, assim que iniciarem ou terminarem a jornada de trabalho, por que não utilizar a tecnologia ao seu favor e facilitar o processo, implementando o controle de ponto feito pelo celular?

Neste artigo, falaremos mais sobre o assunto e explicaremos como esse processo pode facilitar e tornar eficiente o controle de ponto da sua empresa, evitando, assim, custos trabalhistas desnecessários.

O download da Planilha de Horas completa começou automaticamente.

Caso não tenha iniciado,
clique aqui para baixar.

Controle de ponto pelo celular

Realizar o controle de ponto de seus colaboradores pelo celular possui legalidade desde 2011. Isso porque, a partir deste ano, o Ministério do Trabalho começou a regulamentar formas mais eficientes de controlar a entrada, saída e intervalo dos funcionários de uma empresa.

Por isso, além de ser uma maneira mais eficaz e segura de manter o controle das horas efetivamente trabalhadas pelos colaboradores de um negócio, o controle de ponto pelo celular é regulamentado pela Portaria 373.

Como funciona o controle de ponto feito pelo celular?

O controle de ponto feito pelo celular funciona através de um sistema ou aplicativo instalado no smartphone que possibilita que, pelo próprio aparelho do funcionário, o ponto seja “batido”. Para isso, basta que o colaborador entre no app e, logo em seguida, clique em “Bater Ponto”.

Com a instalação do aplicativo no celular do colaborador e suas informações salvas no sistema automático, assim que o funcionário seguir os passos anteriores e ativar a localização do seu aparelho, o ponto é ativado, registrado e encaminhado ao banco de horas via geolocalização.

Permitindo que o ponto seja reconhecido e computado com mais rapidez e, mais, que o controle do horário de chegada, intervalo e saída do funcionário condiza sempre com a realidade, afinal de contas, a geolocalização irá registrar exatamente a hora e o lugar de onde o colaborador bateu seu ponto.

Quais as vantagens de utilizar um sistema de ponto automatizado?

Podemos enumerar vários benefícios trazidos pelo sistema de ponto automatizado e disponível no celular de cada funcionário, pois a segurança proporcionada pela tecnologia e sistema integrado inibe diversos problemas, como é o caso de complicações judiciais e custos desnecessários envolvendo horas.

Vamos ao exemplo:

Um de seus funcionários chega atrasado durante dias seguidos e, por conta disso, recebe um aviso para regularizar a situação. No entanto, a conduta do colaborador não se altera, mas, ao invés de admitir e compensar as horas de atraso, resolve bater seu ponto antes mesmo de chegar na empresa.

Porém, com o recurso da geolocalização, a má conduta do colaborador é comprovada e, caso haja alguma futura complicação, recorrendo ao histórico de pontos registrados, será possível tomar as devidas providências.

Além disso, o controle de ponto feito pelo celular desafoga o setor de Recursos Humanos da empresa, uma vez que otimiza o fechamento da folha ponto, horas extras e jornada de trabalho, facilitando, do mesmo modo, a emissão da folha de pagamento de cada colaborador. Bacana, não é mesmo?

Quanto custa para implementar o ponto eletrônico na empresa?

A plataforma de gestão de RH da Coalize disponibiliza esse serviço de controle de ponto eletrônico
por um valor acessível.

Por uma mensalidade de menos de R$ 5 por funcionário, você consegue implementar o ponto eletrônico na sua empresa, otimizando o tempo de fechamento da folha ponto, controle das horas extras e jornadas de trabalho, monitorando as marcações de ponto em tempo real.

Por fim, agora que você sabe que o controle de ponto pelo celular é legal e pode ser adotado por sua empresa sem problemas, quem sabe esse não seja o momento de garantir todos os benefícios mencionados?

Sua planilha foi enviada para
seu e-mail.

Caso não receba, lembre-se de conferir o SPAM ou Lixo eletrônico.

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário