5 passos para um Controle Administrativo eficiente

Deseja que todos os setores da sua empresa funcionem com excelência? Então saiba como fazer um controle administrativo de sucesso.

Controle administrativo eficiente

O controle administrativo pode ser definido como um conjunto de atividades que busca alcançar os objetivos de uma organização. Ou seja, é o controle do planejamento, de modo geral, da empresa, e que, quando bem feito, faz com que todos os setores trabalhem de forma eficiente.

Gerenciar uma organização não é uma tarefa simples ou fácil: exige muito estudo, atenção e dedicação. Principalmente, quando se trata de manter todos os setores funcionando, de forma eficiente e equilibrada.

Por isso, é fundamental saber planejar, organizar, dirigir e controlar, para obter uma administração de sucesso.

Funções do Administrador

Genericamente, podemos afirmar que as funções do administrador, como citamos acima, são:

  • Planejar: Estabelecer os objetivos da empresa, elaborando um plano de ação;
  • Organizar: Saber quais recursos precisará usar para colocar em prática o que foi planejado;
  • Dirigir: Conduzir o capital humano, ou seja, liderar a equipe, para que os objetivos sejam alcançados;
  • Controlar: Analisar e avaliar se, na prática, o planejamento está sendo bem executado e trará os resultados desejados.

Nesse texto, vamos ensinar um passo a passo de como realizar a última etapa das funções acima: o controle na gestão.

O que é Controle na Administração

Esse é um método que permite a otimização da gestão empresarial, pois o seu intuito é garantir que as atividades de todos os setores caminhem de acordo com o planejamento estratégico.

O controle avalia o desempenho da organização, produzindo informações que facilitam a tomada de decisões. Seu objetivo é apontar os problemas e erros, a fim de que sejam feitos eventuais reparos, garantindo o equilíbrio dos segmentos.

É este controle que permite colocar em prática, por meio de um conjunto de atividades internas, a proteção do patrimônio, além de evitar falhas e trabalhar em melhorias para obter um alto desempenho.

Veja, a seguir, 5 dicas para um controle administrativo eficaz.

1.  Estabeleça uma Meta

Não há como fazer controle de planejamento traçado, sem uma meta definida. Isto porque o controle deve ser baseado em números.

Assim, a meta deve ser:

  • simples;
  • quantitativa/mensurável; e
  • específica.

Em outras palavras, ela deve ser um indicador de desempenho, a partir do planejamento sobre qual resultado se acredita - ou pretende - ser possível conquistar.

2.  Crie um padrão

O padrão será a forma de medir e avaliar se a meta foi alcançada. Isto é, essa é a forma pela qual será medido o indicador de desempenho. Para um atleta, por exemplo, é possível medir seu desempenho por meio de um cronômetro.

Como você pode medir o desempenho de acordo com a sua meta? A resposta, provavelmente, é o seu padrão. É por isso que mencionamos que a meta precisa ser quantitativa e mensurável.

3.  Compare

A partir do padrão estabelecido, é necessário mensurar os indicadores e comparar se os resultados alcançados estão de acordo com a meta. Nessa fase, calcule a diferença entre o desempenho real e o desejado.

4.  Promova mudanças

Depois da comparação, é preciso avaliar as falhas e fazer correções, para que elas não ocorram mais. Também é imprescindível identificar os acertos e aprimorá-los, para que a organização siga evoluindo.

5.  Utilize a tecnologia

Se você leu até aqui e achou complicado colocar tudo isso na prática, saiba que fica muito mais fácil gerenciar o controle da sua empresa com o uso da tecnologia.

Um bom software de gestão ou sistema ajudará na medição dos indicadores, de acordo com a sua meta e o seu padrão, além de facilitar os processos e o desenvolvimento do planejamento.

Lembre-se: um gestor deve planejar, organizar, dirigir e controlar a administração para que o sucesso da sua empresa esteja garantido.

Você está conseguindo colocar todas essas funções em prática? Se não estiver, comece agora mesmo: devagar e com calma, é possível manter essas funções ativas e equilibradas.

Acompanhe o melhor conteúdo sobre
gestão de Recursos Humanos!

Deixe seu e-mail e receba conteúdo para aumentar o seu desempenho na gestão de pessoas!

O que você achou do post?

0 Respostas

Deixe seu comentário